A IMPORTÂNCIA DOS HOMENS NA DIVERSIDADE E EQUIDADE

0
540

Mais um mês de março e tradicionalmente comemoramos o Dia das Mulheres, mas neste artigo tenho a intenção de falar mesmo com os homens.
Tenho uma história profissional de quase 30 anos no segmento de Tecnologia da Informação, que sempre foi preponderantemente composta por homens.
O orgulho é enorme da minha rede de relacionamento, que foi construída ao longo dos anos e o quanto sempre pude contar com essas pessoas incríveis. Muitas foram as mentorias recebidas para chegar na posição executiva que tenho atualmente e posso afirmar, foram executivos espetaculares.
E é por isso que gostaria de convidá-los a observarem os dados abaixo:
Em todo o mundo, as mulheres ainda representam 40% dos graduados em ciência da computação e informática, 33,3% de todos os pesquisadores, 28% dos graduados em engenharia e 22% para inteligência artificial, segundo o Relatório de Ciências da Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura, Unesco, publicado em fevereiro de 2021. É claro que essas informações representam apenas um pequeno viés da pesquisa que está focada na indústria de tecnologia, mas já nos mostra o quanto se pode melhorar.
Em 2020, a revista norte-americana Fortune mostrou a marca recorde de mulheres presidentes na lista Fortune 500, das 500 maiores empresas do mundo. O cargo mais alto das empresas nos Estados Unidos é representado por 7,6% de mulheres como principal executiva.
Já na pesquisa da consultoria McKinsey de 2020, entre todos os cargos executivos, em média, um em cada cinco executivos é mulher.
Estudos apontam que as empresas com maior diversidade de gênero reportam maior lucratividade e impacto na margem Ebit. Será que podemos contar com vocês homens para tornarmos as empresas de todo o mundo mais saudáveis, justas, inovadoras e criativas?
Sempre há algo na outra pessoa que podemos aprender. Por meio da troca de experiências entre o sexo masculino e o feminino, todos teremos muito a ganhar.
A complementaridade de perfis e estilos é a grande tônica da mudança.
Quanto os homens podem explorar esta situação para serem responsáveis por um movimento por mais diversidade e equidade?
Seja você o protagonista para um maior equilíbrio no nosso mundo!

COMPARTILHAR
Artigo anteriorOs desafios e barreiras das PCDs na sociedade e no ambiente de trabalho
Próximo artigoAprender a aprender
Administradora de Empresas, MBA de Tecnologia da Informação pela FGV e formação de Personal & Professional Coaching pela SBC. Mais de 20 anos de trabalho em empresas de grande porte e com experiências diversificadas, como gerenciamento de operações, desenvolvimento de negócios, comunicação, vendas, marketing e alianças. Executiva de Marketing. Escritora no livro Mulheres do Marketing, da Editora Leader, e colunista no Jornal Leader.