O Propósito não morre de velho

0
305

Falar de propósito não é uma tarefa fácil, o uso massivo da palavra ganhou conotações descrentes por parte das pessoas que imaginam que isso seja apenas mais uma estratégia de marketing. Falar de propósito é algo que precisa ser visceral e transformador ao mesmo tempo. Se a sua marca quer deixar um legado, ela precisa ter um propósito capaz de transcender produtos e serviços.

A primeira pergunta que eu faço para um proprietário de hotel é: “Por que o seu estabelecimento existe (propósito)?” Muitos respondem de forma rápida que existe para ganhar dinheiro, outros tentam falar palavras bonitas, mas a imensa maioria segue o fluxo e nunca parou para pensar sobre o porquê. E está tudo bem. Às vezes a dúvida é o primeiro passo para construir algo novo.

Já não concebemos mais uma empresa sem propósito, e na hospitalidade isso não é diferente. Agir com propósito muda tudo, muda a relação do seu negócio com o entorno, com as pessoas que trabalham para você e com você mesmo. Ele te ajuda a tomar decisões com mais segurança e identifica outras maneiras segundo as quais a sua marca pode impactar.

Eu falo para os hoteleiros que é preciso ter uma ideia muito clara de que tipo específico de hotel eles desejam ser. Saiba no que você está se metendo: só porque as pessoas gostam de cozinhar isso não significa que elas devam abrir um restaurante. O mesmo ao abrir um hotel.

Não siga tendências. A tendência desaparece. Escolha a sua narrativa, conte a sua história. A sua marca precisa de algo mais para se diferenciar de outros negócios lá fora. O Airbnb é um exemplo, ele vem revolucionando a hotelaria, e sabe por quê? Ele criou o propósito do pertencimento – o famoso slogan “viva lá”. Ele nos permite viver como um morador local quando viajamos.

Daqui pra frente o sucesso de um hoteleiro não será definido pela ocupação, mas mais pela forma como o hotel se envolve com a comunidade. O propósito é esta chama permanente que todo hotel precisa para criar experiências memoráveis.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorDiferentes e Complementares
Próximo artigoUm mergulho nas despesas!
É hospitality insider, empreendedora e mentora. Trabalha com profissionais e negócios de hospitalidade na entrega de novas experiências. Sua jornada inclui passagens pelas redes Intercontinental e Hilton, além de conhecimento nas áreas de marketing, eventos e mercado de luxo. Mora na Espanha e tem um projeto de experiências de viagens na região da Galicia chamado Slow Travel Life. Site: www.hospitalidadequemove.com