“Pode copiar, só não faz igual.”

0
638

No título desta coluna, recorro a um meme (já não tão recente) para juntos ponderarmos sobre identidade e individualidade.
Para começar, faça uma pausa na leitura e pense em alguém que realmente admira. Pode ser famoso ou anônimo, do passado ou contemporâneo… o que importa é que seja merecedor da sua admiração.
Agora pense na razão de você admirá-lo. Pronto. Acredito que isso emane de uma característica – ou um conjunto de características – que o faz único, particular, diferente da média de seus pares, certo?
Em seguida olhe para si próprio. O que você considera que seja motivo de admiração? Em uma roda de amigos, como você acha que eles completariam a frase “ele/ela é incrível porque…”? Mais uma vez, penso que seria algo bastante particular seu.
No entanto, dedicamos tempo, energia e recursos excessivos a nos encaixar em determinadas expectativas externas (sociais, da família, dos amigos…) que, mais espantoso ainda, muitas vezes tomamos como nossas. É o tal “comportamento de manada” em ação.
Ou seja, temos aqui instalado um paradoxo. Por um lado, admiramos e valorizamos o que é único; por outro, fazemos esforços insanos para angariar admiração ao custo de corresponder às expectativas alheias.
Como você pode ver, essa equação não fecha nunca! Isso contribui para estarmos cada vez mais ansiosos e, ao mesmo tempo, mais frustrados. Buscamos em vão uma identidade que não nos pertence e não é possível concretizar, pois ela só existe na narrativa idealizada de alguma rede social.
Para dar conta disso, eis uma ideia ousada. E se você buscar olhar corajosamente para seu interior? É claro que a cena das próprias vísceras – ainda que metafóricas – não é uma visão bonita, porém é necessária. Conseguir reconhecer pelo menos parte de quem você é vale o esforço, pois lhe permitirá buscar alguma forma de equilíbrio possível entre demandas internas e externas.
Para terminar, parafraseio outro meme (mais atual) para nortear sua autoanálise: “E fora do story, quem você é de verdade?”.

PARA SABER MAIS
Meme “copia, só não faz igual”

Meme ‘Já fez o trabalho? Posso copiar?’ conquista a internet

Movimento de manada
https://www.uol.com.br/vivabem/noticias/redacao/2018/05/22/comportamento-de-manada-afeta-sua-vida-mais-do-que-voce-pensa-fique-atento.htm

Meme “E fora do story, como você está?”
https://www.folhavitoria.com.br/geral/noticia/08/2021/e-fora-do-story-voce-esta-bem-pergunta-gera-debates-e-memes-nas-redes-sociais

COMPARTILHAR
Artigo anteriorCovid-19, incertezas e seu bolso!
Próximo artigoComo não estagnar na sua carreira?
Tem formação em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem e experiência de mais de 30 anos em Educação, cerca de 20 deles como executivo na área. Atua também na liderança de associações profissionais. É autor, palestrante, consultor, conselheiro de administração e professor. Vê a Educação como o caminho mais democrático e eficaz para que pessoas e sociedades atinjam seu melhor potencial.